Home

pain-de-sucre_biscuit-au-curry_Tanya Volpe 

Quando leio alguma coisa que me interessa sobre Paris, anoto no meu caderninho de ‘descobertas a descobrir’…

Anotei o Pain de Sucre.

É uma pâtisserie aberta por um casal de doceiros, Didier Mathray e Nathalie Robert, que antes haviam trabalhado com Pierre Gagnaire, meu cozinheiro ídolo.

Gagnaire é um chef ‘ 3 estrelas’ , bastante inovador. Além de tocar seu maravilhoso restaurante, ele desenvolve, há muito tempo, pesquisas com Hervé This, o cientista, pai da ‘cozinha molecular’. Foi esse Hervé, inclusive, que levou a cozinha para a universidade como objeto de estudo e foi inspirado nesses estudos que Ferran Adrià deu início à grande revolução no mundo das panelas.

Imediatamente me interessei em conhecer a doceira… Fui lá algumas vezes antes de conseguir entrar. Estava sempre fechada. (férias, dia de folga…) Não me arrependi da espera. A loja fica para o lado contrário do Centre Pompidou, o Beauboug, muito perto da estação Rambuteau do metro. É bem pequena mais realmente especial.
Quando entrei, a dona ficou me olhando, esperando para ver o que eu desejava. Disse que estava querendo conhecer a loja e há bastante tempo. “Por favor, deixe-me olhar”.  E ela, gentil (e um pouco constrangida) ‘prenez votre temps’ .  Comecei a investigar.


As diferenças, em relação às outras pâtisseries aparecem em pequenas sutilezas. Folhas de coentro cristalizadas no açúcar ao lado das tradicionais de hortelã, por exemplo.  Escolhi uma caixinha, já imaginando as possibilidades de combinação.  Com abacaxi ou manga ?  Ou com chocolate bem amargo em uma mousse?  Me lembra sabores ’tailandeses’, doces com coco? 

Encontro uma variação de calisson, típico biscoito de amêndoas da Provence, normalmente  em forma triangular, aqui, quadrado, e feito com pistaches e casca de laranja. Lindos e deliciosos.

Eles tem algumas poucas opções de chocolates e guimauves, os ‘marshmallows’ franceses, levíssimos.  Cubos coloridos de framboesa ou chocolate com banana ou flor de laranja e outros, que variam conforme a estação. Também lindos!

Bombas com sabores e formatos diferentes, incluindo uma com creme de avelãs e amêndoas torradas que é de chorar de boa!

Um sortimento de macarons de sabores especialíssimos., como tudo por lá. 

Ah! E vendem sobremesas em verrines, aqueles minicopinhos com misturas tentadoras.
pain-de-sucre_verrines_tanya-volpe

A montagem das tortas de frutas é bem diferente.  Não parece torta de pâtisserie.  Como o casal veio da restauração, seus doces tem categoria e jeitão de sobremesa de restaurante 3 estrelas.
Atenção, eles fecham na terça e na quarta, por isso, cuidado para não perder a viagem como eu nas primeiras vezes.

Tanya VolpeTanya Volpe é cozinheira. Já fui e fiz muitas coisas. Hoje leio, penso e escrevo sobre comida. Filosofia: Viver não é preciso, mas cozinhar e viajar…

 

 
Pain d Sucre
14, rue Rambuteau  3ème
Metro Rambuteau
http://www.patisseriepaindesucre.com/

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s